Fintech permite que empresas tenham seus próprios bancos.

30/11/2020

Novidades

Fintech permite que empresas tenham seus próprios bancos.

bankme
postado por

Bankme

Bankme na Veja!

A bankme foi notícia na revista Veja no dia 30 de novembro de 2020 sobre a solução inovadora que vem revolucionando o mundo das fintechs: a criação de mini bancos para as empresas!

Confira o conteúdo da matéria:

Não é novidade para ninguém que as chamadas fintechs, startups do universo financeiro, têm adquirido bastante popularidade. Empresas como NuBank e PicPay são exemplos de fintechs que recentemente obtiveram significativo sucesso.
Esse êxito se deve, em grande parte, à agilidade oferecida por esse tipo de empresa em relação aos bancos comuns. Outro benefício é a redução dos custos e taxas que instituições financeiras tradicionais impõem.

Uma nova fintech, chamada bankme, trouxe uma grande novidade ao mercado: a possibilidade de que empresas tenham seus próprios bancos. A ideia é permitir que médios e grandes empresários possam aplicar seu capital em negócios com risco reduzido.

Em tempos nos quais o país registra taxas de juros historicamente baixas, iniciativas como a bankme podem ser especialmente atraentes. Isso porque, além do corte nas taxas, elas possibilitam a antecipação de recebíveis e a realização de empréstimos e financiamentos.

Vale destacar que os serviços de fintechs do tipo estão disponíveis apenas para alguns grupos: empresas com faturamento acima de 5 milhões, que pagam seus fornecedores a prazos e têm sócios e/ou empresa capitalizados.

A abertura de startups como a bankme foi regulamentada com a promulgação da Lei Complementar 167, de 2019. Ao criar as Empresas Simples de Crédito (ESCs), como as que a bankme gerencia, a norma procura resolver questões como “por que um cidadão não pode emprestar para outra pessoa de forma mais institucionalizada” e “por que um cidadão não pode cobrar taxas de juros em suas operações de crédito sem as limitações da Lei da Usura?”.

Assim, o principal objetivo de fintechs dessa categoria é ampliar as possibilidades de crédito do país, incentivando a atividade empresarial e o empreendedorismo. Enquanto a bankme foi a primeira startup do tipo no Brasil, é de se esperar que cada vez mais empresas sigam o exemplo e ampliem o número dos chamados minibancos, particulares de cada empresa, no país.

Leia mais em: https://veja.abril.com.br/economia/fintech-permite-que-empresas-tenham-seus-proprios-bancos/

30/11/2020

Fintech permite que empresas tenham seus próprios bancos.

Bankme na Veja! A bankme foi notícia na revista Veja no dia 30 de novembro de 2020 sobre a solução inovadora que vem revolucionando o mundo das fintechs: a criação de mini bancos para as empresas! Confira o conteúdo da matéria: Não é novidade para ninguém que as chamadas fintechs, startups do universo financeiro, têm adquirido bastante popularidade. Empresas como NuBank e PicPay são exem

25/11/2020

Reunião com empresários de Londrina e região

Na terça-feira tivemos uma reunião super interessante com empresários de Londrina e região! O Ary Sudan da Rondopar, Edson Campos da Tamarana Metais, Rossana Garcia da Rossana Arquitetura e o Antonio Panissa da AP Engenharia estiveram no escritório com nosso CEO Thiago Eik (@thiago_eik) para conhecer mais sobre a bankme! Rondopar e Tamarana Metais já são nossos clientes! Seja como os

16/11/2020

Tenha seu próprio mini banco!

A ideia de ter seu próprio banco não é algo totalmente novo. Grandes empresas (com faturamentos de bilhões) como a Gol, JBS, Natura e entre outras, vêm fazendo isso ao longo dos anos e se destacando ainda mais no mercado. Nossa inovação dentro da Bankme é proporcionar essa oportunidade para médios e grandes empresários com faturamento na casa dos milhões! Possibilitar que empresas menores

12/11/2020

Visita do Jornalista Paulo Briguet

Hoje recebemos uma visita muito especial na bankme! Paulo Briguet, Jornalista e Colunista da Folha de Londrina 📝 Paulo compartilhou um pouco do que faz com a gente e nós apresentamos o que é a bankme e como ela funciona. Foi uma manhã muito boa e de muita troca! Agradecemos o Paulo pela visita e suas grandes contribuições à cidade de Londrina! 👏🏻

Conheça agora

enviar

Se interessou pela nossa empresa e tem vontade de fazer parte da nossa fintech? Envie seu currículo para vagas@bankme.tech e venha para o nosso time!

conheça agora!